Como Baixar a Pressão Arterial Naturalmente e Sem Efeitos Colaterais

Você tem pressão alta?

A gente sabe o que fazer!

Quando a pressão sanguínea de uma pessoa fica acima de 120/90 mmHg, dizemos que ela está com hipertensão.

Esta condição costuma ser tratada com medicamentos agressivos, cheios de efeitos colaterais.

Nós conhecemos alternativas naturais seguras que ajudam a diminuir a pressão alta.

Se você é do tipo de pessoa que costuma ignorar os sintomas, tome muito cuidado!

A pressão alta é um problema grave e, se não for tratada, pode causar doenças ainda piores.

Os sintomas mais comuns para quem não trata a hipertensão são:

– Tonturas

– Dor nas pernas

– Cólica

– Taxas cardíacas anormais

– Insônia

E, infelizmente, tudo isso pode levar à morte.

Conheça algumas receitas que podem ajudar:

1ª receita

É muito simples.

O magnésio é excelente para todo o sistema cardiovascular.

E ele ajuda a baixar a pressão arterial porque, de maneira simplificada, dilata as artérias.

Procure seu médico e peça-lhe que prescreva um bom suplemento de magnésio.

2ª receita

Coma duas bananas por dia.

A fruta é rica em potássio e ajuda a regular os níveis de sódio, normalizando a pressão sanguínea.

 

 

3ª receita

Beba água de limão todos os dias, ainda em jejum.

Basta espremer um limão num copo de água.

Isso será muito benéfico porque o limão relaxa os vasos sanguíneos, hidrata o corpo e protege as paredes das artéias.

Além disso, fornece muitas vitaminas e minerais.

4ª receita

O alho é considerado um dos alimentos mais saudáveis do mundo.

Ele regula a pressão e fornece compostos de enxofre: trisulfureto de dialilo, alicina e dissulfeto de dialilo, que estimulam naturalmente a produção de óxido nítrico, excelente dilatador das veias.

Você deve consumir dois dentes de alho cru todos os dias.

Se sofrer do estômago, é melhor consumir cápsulas.

Além dessas receitas, é bom seguir algumas instruções, como:

– Evitar sal

– Melhorar a dieta

– Reduzir a cafeína

– Praticar exercícios regularmente

– Evitar cigarros e álcool

Fonte

Loading...

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *