Cosméticos antigos: conheça 6 maravilhosos e 2 que não deve usar!

Atualmente, o mercado está saturado de artigos de cosmética, que são lançados todos os dias, e a verdade é que muita boa gente mantém-se fiel aos produtos de higiene e beleza mais antigos, que usaram desde sempre. Afinal, na maioria das vezes, estes artigos são os que apresentam a melhor relação qualidade e preço do mercado.

Esta publicação é dedicada aos produtos que se usavam antigamente, no tempo da sua avó, e que ainda sobrevivem nos dias de hoje.

As especialistas em epiderme Samantha Enande e Daniela R. Landim esclarecem as vantagens e desvantagens de artigos já com alguma idade no mercado e, apontam ainda, aqueles que devemos utilizar e os que devemos excluir da nossa lista das compras.

rugol

Rugol: Este produto é forte em vitamina E e permite restabelecer a epiderme. Porém, as especialistas em dermatologia não recomendam o artigo para a prevenção das rugas, uma vez que não atravessa a pele, devido à sua composição oleosa.

 

oleo-de-mosqueta

Óleo de Rosa Mosqueta: Daniela aconselha a utilização deste cosmético, uma vez que é conhecido pelos seus resultados positivos no tratamento de traumas na epiderme e/ou rugas. Por outro lado, Samantha é da opinião de que este produto é apenas um auxiliar de hidratação.

leite-de-rosas

Leite de Rosas: Segundo as especialistas, este cosmético exige alguma atenção e cautela. O produto apresenta uma fórmula à base de álcool e como consequência, poderá secar as peles em demasia. No caso de epidermes com problemas de oleosidade, poderá desenvolver ainda mais esta patologia.

leite-de-colonia
 

Leite de colônia: À semelhança do artigo anterior, este cosmético também é composto por álcool e tem como objetivo a eliminação de impurezas na epiderme. Segundo Samantha, este leite pode cumprir com a sua finalidade, desde que, posteriormente, a face seja lavada com sabonete e água. Daniela é da opinião de que o produto não deverá ser utilizado, especialmente para quem tem sensibilidade na pele.

leite-de-aveia

Leite de aveia: Quanto a este artigo, a opinião das especialistas é unânime! O produto é recomendável e deverá ser aplicado como um hidratante de corpo.

hipoglos

Hipoglós: Embora a maioria das pessoas use o produto para eliminar as espinhas e olheiras, recomenda-se o mesmo para combater aquelas alergias comuns nos rabinhos de bebês. Segundo as especialistas, a pomada previne a infeção e, quando unida a Bepantol, é ótima para aplicar em machas na zona dos olhos.

nivea

Creme hidratante Nívea: Na opinião de Daniela, o cosmético é ideal para auxiliar epidermes oleosas, enquanto que ao mesmo tempo, protege e hidrata qualquer parte do corpo em que seja aplicado.

 

minacora

Minancora: recomenda-se o uso deste artigo para questões de cicatrização e prevenção de infeções. Segundo Samantha, o produto é ótimo para tratar espinhas com alguma inflamação e queimaduras de baixo grau. Por outro lado, Daniela não tem uma opinião positiva acerca do cosmético, uma vez que se trata de uma pomada já bastante ultrapassada em comparação à concorrência no mercado.

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *