Incrível Truque Que Vai Fazer Você Memorizar Tudo O Que Lhe Interessa – Perfeito Para Quem Vai Fazer Concursos, Inclusive Enem

Você tem dificuldades de memorizar?

Sua memória é fraca?

Tem gente que não consegue decorar nomes, números e até mesmo se perdem assistindo a um filme ou lendo um livro, já que esquecem informações importantes enquanto acompanham a história.

Há quem viva esquecendo onde estacionou o carro, onde colocou as chaves e o endereço de lugares que já foi mais de uma vez.

Se for o seu caso, será importante conhecer um pouquinho do trabalho de Hermann Ebbinghaus, um falecido psicólogo alemão que se dedicou ao desenvolvimento de métodos experimentais cientificamente confiáveis para a medição quantitativa da memória.

No fim do século 19, Ebbinghaus se interessou pelo funcionamento da memória humana e decidiu realizar uma série de experimentos.

Para isso, criou uma lista de palavras sem sentido, como “taz, bok, lef”, a fim de analisar como nossa mente se comporta diante de pouco ou nenhum significado.

Ele fez isso porque sabia que as novas informações que queremos guardar dependem muito do que já conhecemos.

O experimento foi chamado de “Curva de Esquecimento”.

Uma boa quantidade de informações que Ebbinghaus captou foram esquecidas em 20 minutos.

Mais da metade das sílabas sem sentido foram descartadas pelo cérebro dentro de uma hora.

Depois de um dia inteiro, o cientista já havia esquecido quase 2/3 do material que havia criado.

Uma conclusão foi tirada disso tudo: se depois de 24h você continuar lembrando, possivelmente não vai mais esquecer.

Além disso, quanto mais estudamos com intervalos prolongados, mais decoramos.

Muita gente pensa que se ficar tentando memorizar uma coisa o tempo todo, em intervalos curtos, é melhor, mas não é verdade.

Por exemplo, vamos supor que você vai apresentar um seminário amanhã.

Se passar a noite toda ensaiando o discurso, não vai se sair tão bem quanto se tivesse treinado há uma semana.

É lógico que se você só quer memorizar o material apenas por alguns instantes, como fazemos quando vamos discar o número do telefone de alguém, basta repeti-lo várias vezes num curto espaço de tempo.

Mas, se você quer realmente memorizar e reter a informação, precisa decorar em intervalos maiores.

Agora que você já sabe de onde vem as nossas dicas para este post, vamos ao truque:

A TÉCNICA DA REPETIÇÃO ESPAÇADA

 

 

Memorizar rapidamente

1ª Repetição       logo após a aprendizagem

2ª Repetição       Após 15-20 minutos

3ª Repetição       Após 6-8 horas

4ª Repetição       Após 24 horas

Memorizar por muito tempo

1ª Repetição       logo após a aprendizagem

2ª Repetição       Após 20-30 minutos

3ª Repetição       Após 1 dia

4ª Repetição       Após 2-3 semanas

5 Repetição        Após 2-3 meses

Tem mais!

Se você precisa de uma ajuda extra de repente para sua lista de compras ou para lembrar o aniversário do amigo, faça o seguinte:

1. Compreenda o que está aprendendo – isso faz com o que cérebro guarde melhor as informações.

2. Memórias semelhantes podem se misturar e nos confundir.

Por isso, ao tentar decorar, procure alternar o material – isso é chamado de teoria da interferência.

3. Se você está aprendendo um novo idioma, associe a palavra nova a uma que você já conhece, isso facilita muito.

4. Aproveite sua linguagem corporal para ajudar a memorizar o que precisa.

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *