A MISTURA NATURAL (MAIS EFICAZ) CONTRA O MAU CHEIRO DE RALO

Quem não se lembra do famoso comercial de TV onde os anões de jardim estavam correndo em casa, com um nariz entupido entre os dedos, reclamando do cheiro da fossa séptica? Este, na verdade, é um problema que pode afligir todo mundo, incluindo os inquilinos que vivem em casas sem tanques de jardim e fossas sépticas. É, de fato, o problema que consiste no mau cheiro dos esgotos nos banheiros e cozinhas, que muitas vezes exalam dos canos das pias, mesmo quando tudo é limpo, arrumado e arranjado.

É infelizmente, uma realidade: muitas vezes detergentes, restos de comida e outros componentes orgânicos passam através dos tubos de nossas pias e dos vários ralos, agarrando-se às paredes, obstruindo o caminho ou apenas criando pátinas de gordura que, quando começam a degradar-se, tornam-se também malcheirosas. Também é fácil de perceber que, entre os componentes dos ralos , estão sempre presentes caminhos e pontos “escuros” criados especificamente para estagnar a água: aqui, com o tempo, a menos que você mantenha limpo todo o sistema muito facilmente se criam mofo ou bactérias que começam a proliferar, com as consequências óbvias imagináveis.

limpar-ralo-1MÉTODO NÚMERO 1:

1) O primeiro método que pode ser um grande higienizante para paredes “engorduradas” dos tubos é aquele que envolve a utilização de água, o vinagre de vinho e o bicarbonato de sódio. Despeje 5 colheres de bicarbonato no ralo interessado, tomando cuidado para que todo o bicarbonato “atinja” perfeitamente no alvo, para usar a quantidade ideal. Enquanto isso ferva um copo de água, com um copo de vinagre, misturado. Uma vez que a mistura alcançou a temperatura despeje tudo no ralo já cheio de bicarbonato de sódio e você vai notar a formação de uma espuma. Esta mistura será o verdadeiro “detergente” que vai desengordurar as paredes do ralo. Tudo isso deve agir sem ser perturbado por pelo menos trinta minutos, mas não há contra-indicações em deixar tudo em ação durante um dia inteiro.

MÉTODO NÚMERO 2:

2) Se você não tiver disponíveis esses ingredientes, você pode escolher outra “receita”, mais simples e igualmente eficaz. Ferva um copo de água e quando alcançar a temperatura, despeje dentro um cubo de levadura, seja paciente até que derreta. O resultado desta mistura pode depois ser despejado no ralo afetado, no entanto, deve agir toda a noite. Um remédio seguro contra maus cheiros!

O problema é não só o cheiro, mas também a higiene! De fato na montagem do ralo são usados cada vez mais juntas e vedações que, ao longo do tempo, podem se danificar, sujar, degradadar, perdendo não só a eficiência, mas também a estabilidade, começando a causar alguma perda ou a exalar um cheiro irritante de plástico ou silicone.

Depois disso, vale a pena, portanto, prevenir e avaliar uma opção viável para evitar de ter que lidar com, situações já agravadas depois. Mas por que usar métodos naturais quando no mercado há produtos específicos eficazes e que funcionam em pouco tempo? A razão fundamental é uma só: os produtos químicos vendidos em lojas de ferragens e supermercados são muito eficientes só porque altamente corrosivos.

Este, no longo prazo, é um fato muito contraproducente, porque pode levar à corrosão dos tubos, que, em seguida, em casos graves, se danificam até o ponto que devem ser substituídos, obrigando os donos de casa a ter que gastar dinheiro em consertos. A coisa melhor, portanto, é prevenir com métodos menos agressivos e mais “suportáveis” pelo sistema hidráulico (além que pelo bolso!).

Fonte

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *