7 Lugares Na Terra Que Você Jamais Deveria Visitar

Existem lugares na Terra que as pessoas jamais deveriam visitar e não é por falta de aviso e conselho das pessoas. Alguns deles foram criados (ou se tornaram) para não receberem a presença humana por lá.

Você sabe como é a vista do espaço de alguns lugares da Terra?

Alguns são assustadores, outros tem presença restrita para as pessoas, alguns porque conseguir chegar até lá é quase impossível ou perigoso demais.

Será que você já ouviu falar de algum destes lugares que vamos te mostrar? Nossa redação separou para você uma listinha com alguns lugares na Terra que você jamais deveria visitar. Confira aí quais são eles:

1 – Centro de Pesquisa Nuclear de Negev – Deserto de Israel

49-600x323

Apenas funcionários de alto escalão tem acesso ao Centro de Pesquisa Nuclear de Negev, a instalação nuclear israelense fica a 13km a sudeste de Dimona, em Israel, no deserto de Negev.

O espaço aéreo ao redor do Centro é totalmente fechado para qualquer tipo de aeronave. Já ao redor da área existe um forte sistema de vigilha armada para prevenir a entrada não autorizada de qualquer pessoa.

2 – Ilha das cobras – Litoral Paulista – Brasil

17169246_5bFLs

Essa é a Ilha da Queimada Grande, localizada no litoral sul de São Paulo. O lugar é conhecido por ser moradia de várias cobras jararaca-ilhoa, uma espécie endêmica na região muito perigosa.

O desembarque de pessoas lá não é permitido. A única presença humana na ilha é da Marinha, mantida em um farol, em que pesquisadores o usam para estudar o local. O local é considerado uma área de relevante interesse ecológico desde o ano de 1986.

3 – Mina de Asbestos

Mina de asbesto de Thetford - openbrail.org

Se você preza pela sua saúde, então é melhor você ficar bem longe desta mina. A Mina de Asbestos é um local que possui muitos minerais de silício. Esses tipos de minerais são conhecidos por serem altamente valiosos e por causarem câncer no corpo.

O fator de periculosidade é bem alto por lá. Em alguns lugares da Europa, minas com esse tipo de atividade de extração de silício foram proibidas. Uma que ainda resiste é a mina no Canadá.

4 – Zona de exclusão de Chernobyl

Chernobyl

Ainda vigora, ao redor da usina nuclear de Tchernóbil, uma zona de exclusão com imensas quantidades de material radioativo no meio ambiente da região. A área em volta da usina foi evacuada e se tornou uma zona fantasma no leste europeu.

O grau de periculosidade ainda é alto e, com certeza, seria um ambiente para você manter distância para não contrair doenças e nem complicações para o seu organismo.

5 – Niihau – Ilha havaiana que preserva a cultura indígena

69-600x400

A ilha Niihau é considerada a sétima maior das ilhas havaianas. Lá não existem lojas, restaurantes, eletricidade ou água encanada. A tecnologia lá é bem escassa também.

Lá, a ilha é fechada para visitantes estrangeiros porque visa preservar a cultura indígena e a vida selvagem no local. Até mesmo os parentes dos habitantes fazem visitas somente com permissão especial.

6 – Estrada de Yungas

17

A estrada Camino a los Yungas, na Bolívia, é considerada uma das mais perigosas do mundo. Chamada de “Caminho da morte” ou “Estrada da morte”, ela fica a 4700m de altitude e cheia de curvas estreitas e serpenteadas, em precipícios de centenas de metros desprotegidos.

Cerca de 200 a 300 pessoas morriam todos os anos lá por conta de acidentes com carros e ônibus na estrada. Ela tem apenas 64 km de extensão e 3 metros de largura.

7 – Portão do Inferno – Darvaza – Turcomenistão

darvaz-portao-inferno-turcomenistao

Essa enorme cratera de gás natural queima desde o ano de 1971. Ela foi encontrada por geólogos que cavavam no Turcomenistão e encontraram uma caverna cheia de gás natural.

Eles colocaram fogo na caverna com o intuito de extinguir o vazamento de gás, mas isso não fez com que ele sumisse. Desde então, a caverna vem queimando até hoje.

 

Fonte

Deixe um Comentário